Agora...





Ávida de carinho segue em busca de seus anseios... Olha ao redor e nada vê...
 Perscruta tudo e a todos e nada encontra.

 Retrocede no tempo e tudo vê... Sua infância... Seus amiguinhos... Seus irmãos.

Sente-se sacudida por recordações...

Lágrimas surgem de forma intermitente,

 Ora em abundância, ora escoam lentamente de seus olhos.

 Lágrimas por momentos felizes vividos... Lágrimas por situações mal resolvidas

Sua adolescência... Seu primeiro baile... Sorriso largo e aberto... Sua primeira conquista.

 O vestido azul com blusa de crepe e saia rodada de organza... Como era bonito para ela...

Sente-se bela e atraente... O temor não mais existe.

 Somente sonhos e devaneios...

 Como foi feliz esta passagem!

Sua Juventude... Seus colegas de Faculdade. Seus mestres...

Sua primeira e intensa paixão... Como foi intensa a sensação.

Suas metas... Seus conflitos... Suas aspirações.

 Tantas opções... Quantas alternativas.

Como foi difícil a escolha...

 O curso da vida tomou o seu rumo.

 Do passado, a base que alicerçou o seu presente.

 De forma insidiosa, o latente eclode soberano.

Ora provocante e conflituoso, ora apaziguador.

 No crepúsculo prossegue sua caminhada...

A estrada vislumbrada impulsiona sua busca...

 É o agora... Passado e Presente juntos sedimentados e coesos.

 É a maturidade espelhada no corpo e na alma.

 
 Escrito por Maria Claudete

obs: este post também foi publicado por mim no Blog da Claudete
          http://clodet.blog.uol.com.br/
 

18 comentários:

Marilu participou com o comentário número:

Querida amiga, essa é a trajetória que seguimos, tantas escolhas, certas ou erradas, amores e desamores, certezas e dúvidas, mas hoje juntando tudo isso vemos que algo de bom fizemos...Beijocas

Ives participou com o comentário número:

"O curso da vida tomou o seu rumo."
A vida é um navio a mercê da maré, abraços

Sueli participou com o comentário número:

Minha amiga, como é bom ter coisas boas para recordar. Apenas não podemos nos perder nessas recordações, pois o presente, sem dúvida é o que há de mais importante no nosso hoje. Muitas vezes, insistimos em manter o passado vivo, mas não adianta, é ilusão. Mas... como mesmo de ilusão se vive, pelo menos que ela seja formada de boas recordações, não é mesmo? Beijo grande!

AC participou com o comentário número:

Claudete,
Atrai-me a forma harmoniosa como utiliza as palavras, como se brotassem de um recanto onde a sensibilidade para com o sentir dos outros fosse condição natural...

Beijo :)

Ricardo Calmon participou com o comentário número:

Minina Claudete,douta odontóloga and Poetíssima!afffMarie,Mére du Dieux,agradeço por esse mimo em poeta forma mulher,amém!

vive la vieeeeeeeeeeee

smackkkkkkkkkkkkkk

G I L B E R T O participou com o comentário número:

Claudete

Lindo texto!

Perfeito o final onde a pessoa madura se mostra dona de si e de todas as coisas que a rodeiam!

Estejas bem agora e sempre!

Delicia sempre vir te ver, mon ami!

Socorro participou com o comentário número:

Lembrei-me dos meus tempos de adolescência, meu primeiro namorado, era tão bom, tão puro e inocente.
E Adamo, você me fez ir longe agora, Claudete, rs!
Quantas coisas boas naquele tempo em que vive! Recordações que não me esqueço!

Um belo texto para voltar aos velhos tempos.

Um beijo e valeu pela visita surpreendente, rs!

Chica participou com o comentário número:

Essa é nossa vida,nosssa caminhada com tristezas,dores e muitas alegrias...Lindo!beijos,tudo de bom,chica

Elaine Barnes participou com o comentário número:

Construir boas lembranças e conseguir colocar na escrita com toda essa maestria é para poucos. Voc~e realmente é uma poetisa. Parabéns! Eu adorei e me deu até nostalgia de um tempo delicioso que vivi também. Obrigada por ter compartilhado meu aniversário com tanto carinho. Montão de bjs e abraços

mundo azul participou com o comentário número:

__________________________________


...mas, é sempre muito bom recordar os bons momentos!


Beijos de luz e o meu carinho...

_________________________________

Vanessa Monique participou com o comentário número:

ótimo poema, seu cantinho é mt agradável.
Gostei mt de vir aki.

Bom FDS!

www.vanessamonique.blogspot.com

Abçs.
:*

Fátima participou com o comentário número:

Encontros e desencontros, acertos e erros, lembranças boas outras nem tanto, assim vamos traçando nosso caminho não é mesmo.
No final, a maturidade nos ensina como peneirar tudo e retirar do já vivido (passado) o essencial para somar ao presente, e juntos caminhar.

Claudete, beijo no coração.

Sonia Pallone participou com o comentário número:

Que lindo Claudete!...Reportou-me ao recôndito sagrado das minhas lembranças também...E o que seria de nós se não as tivéssemos não é mesmo? Essa conexão deliciosa com o passado é o que move nostalgicamente a nossa vida...Bjs linda.

Marilu participou com o comentário número:

Querida amiga, tenha um lindo final de semana..Beijocas

Majoli participou com o comentário número:

Minha irmã poetisa, que lindo.
Quando te leio, saio de mim...é uma viagem por suas palavras, é encanto que chega e transforma.
Amo, amo.

Parabéns por esse lindo dom de poetisar.
Beijos cheios de carinho no teu ♥

Sandra Botelho participou com o comentário número:

E assim prosseguimos e seguimos nossas duvidas ,objetivos, ideais, conquistas...
E a vida segue seu curso...
Lindo poema querida...Bjos achocolatados

Anita "Menina Flor" participou com o comentário número:

Como é bom reviver tudo aquilo que nos fez feliz! Ótima semana, Claudete, com muita saúde e paz. Bjão

Fátima participou com o comentário número:

Adorei sua visita minha linda, agradeço muito viu.
Quanto ao selinho, bom que gostou e levou , somos poderosas sim, todas nós mulheres.

Beijo no coração.

Postar um comentário

É importante seu comentário, somente acrescenta.
Que seu dia seja pleno de realizações e Amor!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...