Eis Que Faço Nova Todas as Coisas...

                                     

  13 de Agosto de 2014...
                                    Este dia que para mim poderia ser um dia comum como outro qualquer, não o foi...
Associada à alegria de festejar mais um aniversário chegou inusitada a notícia de mais uma tragédia que se repete como tantas outras que ceifam vidas , de acordo com a lógica da maioria, em pleno auge  das suas capacidades.
                                   Que conclusões podemos tirar de situações como estas? Por que acontecem?  A resposta , meus amigos, deve ser buscada individualmente. A maneira como cada um trilha sua estrada, o modo como cada um vê o Universo ao seu redor, a forma como entendemos o verdadeiro sentido da partilha na vida em Comunidade sobre todas as vertentes inseridas neste contexto  é que nos responderá.
                                   Sempre compreendi e aceitei que nascemos para imortalidade...Nossa alma e nossas atitudes permanecerão para sempre; 
                                   Sempre acreditei que ao nascermos trazemos " um passaporte" onde está carimbada nossa vinda e nossa volta... Mais ainda , que o último minuto de nossa existência só cabe a Deus determiná-lo...Do Pai viemos e para Ele voltamos, esta é uma realidade insofismável.
                                   De repente pessoas , muitas , se solidarizam, se comovem e oram juntas...Um sentimento de coesão e harmonia eleva-se  e uma ponte de luz quilométrica nos faz retornar   ao caminho  que muitos haviam perdido pelas  entranhas da vida...Aquele que leva a Deus.
                                   O Deus que conforta, que fortalece, que nos ama e que cria esta unidade dentro da pluralidade de tantos sentimentos...Sim, creio que pessoas que conseguem suscitar esta explosão renovadora quando partem desta vida cumpriram uma grande missão : não são meros meteoros , são explosões de luzes que irão nortear e se perpetuar em exemplos na família e na sociedade.
                                   Estas pessoas , todas, vitimadas ontem no acidente aéreo de Santos-SP , não morreram em vão , delas vão ficar os valores sólidos da dedicação ao trabalho, da dedicação familiar e sobretudo da perseverança nos seus ideais de igualdade e fraternidade.
                                   Com certeza, suas almas descansam em paz! Portanto , buscar sempre nas ocorrências do inusitado a renovação interior  justificando a frase bíblica:
                                    " Eis que faço nova todas as coisas"


escrito por maria Claudete F.H.Batista


                                                           

10 comentários:

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) participou com o comentário número:

As mortes de Robin Williams e Eduardo Campos, embora sejam casos diferentes nas formas como aconteceram, cada vez mais nos levam a pensar como essa vida é frágil. Por isso devemos levar essa vida com mais paciência, mais tolerância, menos correria, viver um pouco mais para o hoje, valorizar mais as amizades, mais abraços, esquecer pequenas rixas, viajar mais, comer o que der vontade, coisas assim. Toda essa atmosfera que o homem criou para si, é muito perene, e não significa nada aos olhos de Deus. Quabndo falo de fragilidade, falo das coisas do homem, as coisas terrenas sim, essas são passageiras, as de Deus não. Aos que partiram, Deus os tenha.

Sueli participou com o comentário número:

Texto perfeito, amiga! Faço das suas, as minhas palavras. Tudo isso confirmou aquela teoria de que cada momento deve ser vivido por nós como se fosse o último. Beijos!

✿ chica participou com o comentário número:

Muito lindo e profundo teu texto,Claudete e ficamos mesmo tristes com esses acontecimentos que nos pegam de susto. Belas reflexões! bjs, chica

Roselia Bezerra participou com o comentário número:

Olá, querida Clau
Feliz níver uma vez mais!!!
infelizmente, o ocorrido me entristeceu muito porque tinha tido uma boa impressão do candidato...
Mesmo assim, Deus tem Planos desconhecidos para nós... vamos confiar n'Ele...
Bjm fraterno de paz e bem

Maria Luiza participou com o comentário número:

Chegando lá do Pentecostes feliz por tão profunda reflexão, Claudete! Eu gostei e dessa também! Ótimo fim de semana! Meu abraço!

Nanda participou com o comentário número:

Clau; foi tudo tão chocante; realmente difícil de entender. Beijos, parabéns e muitas felicidades!!!

Evanir participou com o comentário número:

Mais um final de semana
não percebemos o quanto o tempo tem passado rápido
em nossa vidas...
Vale lembrar que o tempo não passa por
nós ,e sim nós que passamos por ele ..Tal a correria da nossa vida
das nos a Sensação que o tempo voa.
A dura realidade é que nunca paramos
para saber se alguém chora precisando de uma palavra de carinho.
Sinto isso na carne a cada amanhecer a falta
de afeto a simplicidade de um afago acariciando a alma.
Elevo meu pensamento a Deus no infinito
sinto uma lagrima rolar ao sentir que o Pai
nunca se afasta de mim .
Nunca me deixa sozinha.
Numa prece silenciosa rogo
a Deus por dias menos dolorosos .
Para todas as dores do mundo
incluindo a minha também.
Meu amor e carinho para você.
Um final de semana abençoado.
Leve meus beijos na alma
e meu carinho no coração.
Evanir.

ALUISIO CAVALCANTE JR participou com o comentário número:

Querida amiga

Independente da fé
que professemos,
aceito a ideia de Rubem Alves,
que toda morte
é um desperdício.

________________________

Que tenhas tempo
de descobrir que a vida
se alimenta dos momentos presentes,
e que nestes momentos
está a nossa felicidade.

ONG ALERTA participou com o comentário número:

Acredito que nada é por acaso....
Beijo Lisette.

Edith Lobato participou com o comentário número:

Saudade de te ler, por isto estou aqui e não mais deixarei de vir te visitar. Creio que existe um proposito em tudo o que acontece e nada foge aos olhos de Deus. Beijos Claudete.

Postar um comentário

É importante seu comentário, somente acrescenta.
Que seu dia seja pleno de realizações e Amor!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...