Rendição



foto arquivo pessoal: Piaçabuçu-AL


Muita coisa aconteceu
Por onde começar a narrativa
Meus comandos nada determinam
Que me aprisiona
Que me rende
Que me consome?

Por que tantas indagações...
Se o que me tolhe
Se o que me cerceia
Salta pululante diante de mim?

Olhos atentos
Expectantes e vorazes
Estão à espreita...
Como se fora um ensaio macabro.

Frutos do inimaginável?
Figuras contorcidas e disformes?
Alegorias fantasmagóricas?

Apenas uma certeza
Neste espelho não há luz refletida
Não há rio onde pode correr água
Não existem flores
Não há espaço para o vento

Penetrar neste insondável mundo
Faz-se necessário
Como admirar a pureza do belo
Como vivenciar a essência do Amor
Se não compararmos estes dois mundo
Tão reais, manipulados e convergentes?

Ó conflitante e atribulada vida
Ó doce e benfazeja amada
Que teus caminhos sejam percorridos
Que ervas daninhas arrancadas
Deem lugar às flores...
Que  amores sobrepujem as dores
Que finalmente encontremos nossa morada.

Escrito por Maria Claudete
22/04/2013





  

20 comentários:

✿ chica participou com o comentário número:

Linda poesia e inspiração! beijos,ótima semana,chica

Nanda participou com o comentário número:

Oi, Clau - como estão as coisas? Um abraço!

ALUISIO CAVALCANTE JR participou com o comentário número:

Querida amiga

Há neste poema,
o doce perfume
do sentimento
chamado
esperança.

Que sempre haja em ti,
tempo para cultivar a alegria.

Nanda participou com o comentário número:

Clau, voltei porque tem festa de 10 anos do IP. Tomara que consiga participar do sorteio. Inté.

Roselia Bezerra participou com o comentário número:

Olá, querida
Admirar a pureza do belo... Lindo isso!!!
Bjm de paz e bem

Nanda participou com o comentário número:

Clau chegou a ver o e-mail que mandei? Um abraço.

Marilu participou com o comentário número:

Querida amiga, tenha um lindo e abençoado dia das mães. Beijokas

Magui participou com o comentário número:

Desejos feitos em prosa já são atendidos, mais ainda em versos belos como este.Bjs.

Nanda participou com o comentário número:

Clau, passando novamente pra teconvidar pra festa do IP! =)

Carlos Medeiros participou com o comentário número:

Estarias falando de contrastes, o que seria do belo sem o feio?...Abraços...http://grandeonda.blogspot.com

Trocyn Bão participou com o comentário número:

Olá amiga Claudete
É sempre bom olharmos para o nosso próprio umbigo e assim podermos corrigir nossos erros ou aprimorarmos nossos acertos, somente assim poderemos acertar com outros e tornamos pessoas melhores


Abraços,
Trocyn Bão - Thiago

SOCIALE participou com o comentário número:

BOM DIA....
nossas escritos muitas vezes refletem o que nós estamos passando, ou sentindo.....
Isto se mostra através das sensíveis poesias de inverno, ou nas quentes poesias de verão....mas todas são tão tocantes.....


Bjs bruno

ALUISIO CAVALCANTE JR participou com o comentário número:

Querida amiga

Sempre que dirigimos
os nossos pensamentos,
ao que acorda sentimentos bons
em outras vidas,
cada palavra escrita
é uma espécie de oração.

Que teu coração seja o céu
onde as palavras possa voar
buscando a esperança.

Toninha Borges participou com o comentário número:

Olá amiga, estou sentindo sua falta nos meus blogues Papo de Mãe e Educar o primeiro passo.
Venha me fazer uma visitinha.
bju

Malu Silva participou com o comentário número:

Claudete, adoráveis as palavras deixadas por si em meu espaço. Muito grata. Aqui sempre é certeza de também encontrar grandes poemas escritos com a mais pura sensibilidade. Um abraço!

Malu Silva participou com o comentário número:

Claudete, gostaria que me enviasse um de seus poemas com uma imagem para ilustração para que eu pudesse publicá-lo em espaço que publico poemas dos amigos - neste espaço aqui - http://semolharescriticos.blogspot.com
Pode me enviar por email - maluccat@hotmail.com
Aguardo. Abraços

Lídia Borges participou com o comentário número:

Um belo "poetar"!

As inquietações de um mundo em constante mudança onde claridade e obscuridade são margens de um mesmo rio.

Lidia

Anne Lieri participou com o comentário número:

Claudete,faz tempo que não te visito!Adorei essa poesia, uma verdadeira oração de proteção contra os revezes da vida.Bjs e boa semana pra vc!

ONG ALERTA participou com o comentário número:

Grande beijo saudades, Lisette.

Malu Silva participou com o comentário número:

Acabei de postar seu poema neste espaço. Espero que goste! Abraços

http://semolharescriticos.blogspot.com.br/2013/07/tao-sonhada-liberdade.html

Postar um comentário

É importante seu comentário, somente acrescenta.
Que seu dia seja pleno de realizações e Amor!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...