Dia do Professor... Homenagem a Minha Mãe!


                                                        

Serei breve... As recordações primeiras brotaram espontaneamente, mas, confesso , estou sonolenta e preciso descansar... Uma maratona de exames médicos me espera. Não poderia deixar passar, entretanto , a oportunidade de registrar a sensação de leveza e prazer que estas lembranças me causam agora.
É impressionante como foi exultante o dia em que "descobri" que sabia ler, lembro estar com quase sete anos, entrei em casa correndo, olhos bem abertos gritando:- "já sei ler minha gente". Para minha surpresa todos sorriram e responderam que eu já lia desde os cinco anos (?!). Fiquei menos eufórica... Lógico... Nada perguntei.
Anos depois compreendi que a "certeza do que se sabe só chega quando se tem consciência disto". Eu não tinha consciência de que sabia ler. Minha mãe contou-me que comecei o aprendizado nas latas de leite em pó, nos pacotes de maisena, nos recortes das Revistas do Rádio, enfim em tudo que me chegava às mãos. Sempre queria saber de tudo e então juntava os pedaços das palavras e "lia". Na verdade era mais a memória visual que estava em pleno desenvolvimento.
Na zona rural que morava as professoras eram leigas, não tinham Diploma minha mãe era uma delas . Sua dedicação aos seus filhos e os da comunidade motivou a todos na alfabetização, gosto pela leitura e observação da Natureza. Mamãe era uma verdadeira Mestra, fugia aos padrões estáticos, seu ensino era dinâmico e apesar de ter tido uma mãe analfabeta, minha vó, deu o máximo de si e do que sabia para nós.
Não posso esquecer Dona Adelma, Dona Irene que também passaram pela minha vida no ensino primário daquela época , quando na zona rural construiu-se o Grupo Escolar Tobias Barreto , passei a estudar com elas. Eram duras como professoras de Matemática, rs, decorar a tabuada era primordial e ai de quem não soubesse...Era palmatória na certa . Creiam ou não ainda recordo o pavor que me dominava toda segunda-feira, explico, a lição de casa do final de semana era a dita cuja, que deveria ser tomada naquele dia.
Engraçado... Já escrevi do meu medo de Matemática e somente associava ao professor Edgar Brito do Admissão ao Ginásio... Agora lembrando este fato encontrei a verdadeira raiz do problema, rs, era a Palmatória !
Por estas razões minha Homenagem neste dia do Professor vai para Minha Mãe!
Ensinou-me a vida como ela é, despertou o que de melhor existia em mim e principalmente fez-me ver que sem a leitura nada somos só compreendemos o que podemos discernir através dela. Pena que tantos "cultos" cultuem nos dias de hoje a banalização deste conhecimento, se assim não fosse não estaríamos todos à mercê de tantas falcatruas e enganações que aviltam o que recebemos de melhor : a capacidade de ler , compreender e tirar conclusões.
Aos Mestres fiéis à Educação Moral e Civismo, banidos não sei por quem, das nossas Escolas, Meus Parabéns pelo seu Dia!

Escrito por maria claudete

10 comentários:

RESILIÊNCIA participou com o comentário número:

Poetisa Claudete



Os mestres são escultores de alma...
e somos gratos por isso.
Parabéns pela mãe e pela mestre.
um grande abraço.

Pelos caminhos da vida. participou com o comentário número:

Meus parabéns a todos os professores e a sua mãe tb.

Obrigada pela sua companhia.

Bom fim de semana amiga.

beijooo.

Marilu participou com o comentário número:

Querida amiga, linda homenagem a senhora sua mãe e a essa classe tão menosprezada hoje em dia. Infelizmente os professores não são mais respeitados, tenho um amigo professor que foi agredido por "alunos" que por pouco não o deixaram cego. Me lembro que na época em que estudava tínhamos o maior respeito por nossos professores. Cabe a nós preparamos nossos filhos para que respeitem essas pessoas tão importantes em nossas vidas. Tenha um lindo final de semana. Beijocas

Chica participou com o comentário número:

Bela e comovente tua homenagem! merecida também!beijos,lindo fds,chica

Tatiana participou com o comentário número:

Nossa...Claudete,com certeza...tantos problemas seriam solucionados no Brasil se ao menos essa questao fosse primordial a politica brasileira.
Melhores salarios aos professores,melhores escolas, incentivos...etc..
Mas como o interesse é minimo, para nao dizer nulo, acho que essa questao continuara sendo um grande problema em nosso amado e triste Brasil.
Muito bom post e ..woow...parabéns a sua mae!!!!!!!Uma guerreira!!
Bjs.

Kelly participou com o comentário número:

Oi claudete, vim agradecer sua participação no meu blog que hoje está em festa comemorando seu primeiro ano de vida. Obrigada pelo carinho sempre, beijos

Socorro Melo participou com o comentário número:

Claudete,

Uma belíssima homenagem! E olha, me identifiquei em alguns pontos com você. Nossa, eu também tenho horror a matemática, e não me recordo de palmatória, kkk, eu tenho dificuldade mesmo com números. Foi um tormento a presença da matemática durante toda minha vida escolar, até chegar a Faculdade, quando livrei-me dela, kkk

Beijos, amiga
Socorro Melo

ONG ALERTA participou com o comentário número:

Linda homgenagem a quem faz gente pequena querer ser grande, beijo Lisette.

Jose Sousa participou com o comentário número:

Olá amiguinha Claudete!

Mais um optimo artigo, como sempre gosto de vir até aqui! Quando não deixo um comentário é por falta de tempo.

Passe em meus blog's e deixe o seu comentário.

www.queriaserselvagem.blogspot.com
www.congulolundo.blogspot.com
www.minhaalmaempoemas.blogspot.com

E-mail: kwachta@hotmail.com

Lhe espero em meus espaços!

Um grande abraço

Magui participou com o comentário número:

Eu fui professora e lembro-me bem e com saudade dos meus alunos. Foram os melhores anos da minha vida.

Postar um comentário

É importante seu comentário, somente acrescenta.
Que seu dia seja pleno de realizações e Amor!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...