21 junho 2014

Entendendo As Vias Tortas da Vida.



              

                                                    foto de Olívia Deda

                Nesta semana  ouvindo o noticiário  passei  da tristeza e constrangimento  a uma situação de conflito e  especulação .

                Uma criança que havia sido vítima de um cão que a deixou com graves cicatrizes no rosto incluindo a perda de um olho, havia sido convidada a retirar-se de uma lanchonete, junto com sua avó, porque a sua aparência perturbava as outras pessoas que estavam naquele ambiente.
                 Decerto, quem ouvia a notícia, se revoltava com a atitude discriminatória da garçonete. Entretanto no decorrer da reportagem  foi revelado a nota em que a empresa  pedia desculpas e  doava trinta mil dólares  para auxiliar no tratamento da criança que já havia sido submetida a várias cirurgias corretivas na face.

                 Diante da polêmica que envolveu o fato um renomado cirurgião plástico ofereceu gratuitamente seus serviços para cuidar da criança até a maioridade quando seriam realizadas todas as correções inerentes às etapas de desenvolvimento da paciente.
                  A pergunta como cristã, antes de tudo é: a garçonete  merece ser condenada ou foi um “instrumento”  predestinado  a mostrar ao “mundo” as necessidades daquela criança?
                  São as vias tortas da vida que nos dão respostas, nos fazem repensar valores e situações. Com certeza para os que creem  os sinais de Deus estavam bem visíveis e nem sempre o que parece condenável  o é...Não é defensável atitudes que discriminem , o que está em pauta é a necessidade de antes de condenarmos repensarmos o  que poderá advir  como benesse  em cada circunstância .
                    Quão grande terá sido a dor daquela criança e da sua família... Quanta aflição e quantas súplicas a Deus  pela mutilação sofrida? Com certeza as preces foram ouvidas.
                    A Sabedoria e generosidade de Deus é magnânima   e se queremos que estas verdades sejam propagadas  é necessário que procuremos compreender as razões que permeiam  estas vias tortas que trazem soluções benéficas inesperadas .
                   Amor e perdão , sempre a melhor solução para nós e para Deus!

escrito por Maria Claudete F.H.Batista

16 comentários:

  1. Acredito que nada acontece por acaso.......talvez foi a maneira de tudo poder ser resolvido...
    Quem somos nós para julgar.
    Beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  2. Muitas vezes, através dessas vias tortas, brilha um novo caminho e assim o foi para essa criança.
    Muito bem colocadas suas palavras minha amiga.
    Que Deus abençoe essa criança, a garçonete e o cirurgião.

    Beijos com carinho,.

    ResponderExcluir
  3. Claudete, diante de tantas desventuras na minha vida aprendi a compreender que tudo tem um propósito e que as coisas são e acontecem como tem que ser e muitos não estão preparados para compreender tamanhas complexidades. Mas um dia todos serão evoluídos suficientemente para se habitar um mundo harmonioso e perfeito na imagem do Criador.
    Enorme abraço e linda semana que está para se iniciar...

    ResponderExcluir
  4. Oi, Claudete, como vai?
    Muito interessante seu texto...muitas vezes me pego pensando dessa forma, Deus tem caminhos que muitas vezes não compreendemos, mas ele sempre dá um jeito de atender nossas preces. Não questionar esses meios, confiar, é o que chamo de fé. Uma situação ruim trouxe a solução, e isso é inquestionável. Um abraço!

    ResponderExcluir
  5. Não tinha pensado assim, Clau - mas achei seu ponto de vista bem interessante. Beijos e ótima semana!

    ResponderExcluir
  6. É bom voltar ao seu blog, ver e ler o que está publicando,só posso agradecer pelos textos, com que nos presentei-a,e posso dizer que tem aqui um agradável blog, desejo que continue de saude e com muita paz.
    Deixo as minhas saudações, com desejo de muitas felicidades.
    Sou António Batalha.
    Do Peregrino E Servo.

    ResponderExcluir
  7. Clau, te mandei uma cartinha. Chegou? Beijos

    ResponderExcluir
  8. É verdade, assim como Deus escreve certo por linhas tortas assim é esse o caso. A condenação virou a salvação! Vim aqui também por sua publicação no Novo Pentecostes que está magnífica! Um grande abraço, Claudete! Deus te guarde e te proteja, amém! bjs

    ResponderExcluir
  9. Olá, querida Claudete
    Não é à toa que tem um ditado que diz: Deus escreve certo por linhas tortas...
    Só Deus saberá a situação completa de todos...
    Muito bem escrito e com um raciocínio lógico incrível... gostei muito!!!
    Bjm fraterno de paz e bem

    ResponderExcluir
  10. Acredito que não seja a polêmica que sensibilizou as pessoas, e sim a notoriedade, o destaque do fato na mídia. Infelizmente o que tá na mídia é o que chama a atenção. E o cachorro, tem dono, alguém responsável? Abraços.

    ResponderExcluir
  11. Tantas vezes não queremos aceitar,mas são as linhas tortas que mostram os caminhos melhore para depois. bjs, tudo de bom,fica bem,chica

    ResponderExcluir
  12. Claudete,

    Confesso, que ao começar a ler, senti uma dor no coração. Que sofrimento dessa criança!
    Com a sua linda e abençoada reflexão, fui invadida por uma alegria imensa. Quem sou eu pra condenar essa garçonete, e que esse acontecimento tenha feito uma mudança na vida dela também.
    Com certeza, as mãos de Deus está nessa história.
    Obrigada pela amável visita e comentário. Gosto demais de suas reflexões lá no Laços de Pentecostes.

    ResponderExcluir
  13. Clau, feliz dia do amigo!!! :)

    ResponderExcluir
  14. Ótima partilha desta reflexão critica do comportamento e de como as cosias acontecem em nossas vidas,da qual não temos o mínimo controle dos acontecimentos.

    Meu abraço Claudete.
    Prazer interagir.

    ResponderExcluir
  15. Olá, Boa noite,Claudete
    ... a grande maioria das pessoas, farão o que precisa ser feito, ainda que sob intensas críticas e censura...nem a condeno, porque nesse caso,a garçonete marcou posição no vazio, mantendo-se longe dos riscos de uma improvável debandada de seus clientes...mas, Graças, Deus usa também pessoas iníquas, (ou descrentes ou pecadoras), para nos abençoar com suas graças e favores. Para nos brindar com suas benesses...
    Obrigado pelo carinho das palavras em meu blog, bela semana, beijos!

    ResponderExcluir
  16. Olá Claudete,
    Há males que vem para o bem! A atitude negativa da garçonete acabou ajudando a criança, são as vias tortas da vida como vc tão bem elucidou. Por isso o julgamento cabe somente a Deus e a mais ninguém!
    Linda sua reflexão no Novo Pentecostes e parabéns pelo dia de hoje, que Deus derrame sobre vc mts graças e bençãos!
    Bjs de Feliz Aniversário!!! ♥
    www.viveraprendendo.com

    ResponderExcluir

É importante seu comentário, somente acrescenta.
Que seu dia seja pleno de realizações e Amor!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...